03/04/2019

Clima esquenta entre vereadores de Holambra

Cido Urso (PTB) e Pernambuco (PSD) debateram na última sessão e conversaram com o Portal Holambrense

Da redação

O clima está quente entre dois vereadores de Holambra, Pernambuco (PSD) e Cido Urso (PTB). Tanto é que durante as falas dos dois parlamentares na última sessão, que ocorreu na noite de segunda-feira (1), ambos trocaram acusações. A equipe do Portal Holambrense conversou com os políticos e ouviu o ponto de vista de cada um.

Aliança Política

Cido Urso e Pernambuco eram próximos politicamente até pouco tempo. Tinham até um acordo, juntamente com o vereador Mario Sergio de Oliveira (SD). O compromisso dizia que nenhuma decisão política em termos de apoio, filiações partidárias, candidaturas, entre outras, seria tomada sem o consentimento de todos.

O objetivo era que dos três surgisse também o presidente da Câmara para o biênio 2019/2020. O que não aconteceu. A eleição foi vencida por Chiba (PP). Pernambuco ficou com a vice-presidência e Cido Urso com o cargo de segundo secretário.

Termo assinado pelos vereadores

Cido para prefeito

Pernambuco conta ao Portal Holambrense que o grupo via o nome de Cido como a melhor opção de candidato a prefeito de Holambra. “Começamos a trabalhar para que o Cido fosse nosso candidato a prefeito, contávamos também com o apoio de outros vereadores”, afirma Pernambuco.

Cido deixa Mesa Diretora

Cido Urso deixou a mesa diretora em fevereiro, alegando que lhe faltava tempo para atuar na função. “Um dos principais pontos que me fez sair foi o compromisso que tenho todos os dias no atendimento, acompanhamento e aconselhamento junto a população de Holambra. Além disso, desde 2018, eu venho fazendo curso de Gestão Pública, estou me dedicando muito e, como as reuniões geralmente não têm horário certo para serem realizadas, as dificuldades seriam grandes. Por isso, decidi continuar com o meu trabalho junto à população e a dedicação necessária no curso de Gestão Pública”, disse Cido, na época.

Pernambuco contesta decisão

Pernambuco afirma que não havia motivos para que Cido deixasse a Mesa Diretora. Além disso, acredita que não seja verdade as razões defendidas pelo parlamentar. “Cido começou com essas conversas de que estava sem tempo de ser segundo secretário da Câmara, isso é tudo mentira, ele está na Câmara todo santo dia”, dispara.

Além disso, Pernambuco conta que Cido passou a atacar ele para outras pessoas. “Depois que ele saiu da Mesa e começou a falar para todo mundo que eu e o Serjão já estavam tomando cafezinho com o prefeito no gabinete. Rapaz, faz quatro anos que eu não entro naquela prefeitura”, contesta.

Cido rebate

Cido afirma que Pernambuco e Serjão decidiram apoiar Fernando Capato, atual vice-prefeito, para disputar o pleito em 2019. “Como anunciei a pré-candidatura a prefeito em 2020, e como após a reunião que eles tiveram em dezembro do ano passado, quando foi acordado que o pré-candidato a prefeito deles é o Capato, eles começaram a me atacar politicamente”, alega.

Cido afirma que jamais se associaria a uma chapa composta por alguém da atual gestão municipal. “Eu escolhi fazer um trabalho independente, sem interferência do Executivo, visando sempre o bem maior, que é a população”, comenta.

Chateação de Pernambuco

“Estou chateado, uma que ele saiu do grupo que havíamos montado, e o outro motivo é que ele sai por aí falando coisas que não são verdades. Sair por aí dizendo que nós estamos fechados com o prefeito, isso não é justo, a gente só pode falar as coisas quando for verdade”.

Cido é pré-candidato

Assim como disse recentemente ao Portal Holambrense, Cido segue afirmando que é pré-candidato à prefeito de Holambra.

Pernambuco ainda aguarda

“Não tenho um candidato ainda não, vamos trabalhar o restante do mandato para a população e depois as coisas acontecem naturalmente”, exclama.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.