08/09/2019

Setembro Amarelo: rede pública de Holambra disponibiliza atendimento psicológico

Este mês, acontece em todo Brasil a Campanha do Setembro Amarelo, contra o suicídio e a favor da valorização da vida

Sensação de cansaço frequente, falta de ânimo, tristeza profunda e vontade de desaparecer. Esses são alguns sintomas de quem um dia já tentou tirar a própria vida. Este mês, acontece em todo Brasil a Campanha do Setembro Amarelo, contra o suicídio e a favor da valorização da vida.

Considerada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como o “Mal do Século”, a depressão  é uma doença psiquiátrica que afeta o emocional do indivíduo, que passa a apresentar os sintomas apresentados acima, que aparecem com frequência e podem combinar-se entre si. É imprescindível o acompanhamento médico tanto para o diagnóstico quanto para o tratamento adequado.

Em Holambra, o Departamento Municipal de Saúde disponibiliza na rede pública atendimento psiquiátrico e psicológico, gratuitos e mediante agendamento. O psiquiatra Luís Eduardo Lenhard Zambon, que faz atendimento na Policlínica do município, nos deu algumas dicas e informações sobre a doença:

“A depressão se diferencia de uma tristeza ocasional por ser uma condição de adoecimento, uma tristeza que não passa, uma situação persistente e acompanhada de sintomas físicos como cansaço, fadiga, alterações de apetite, sono, dificuldade de concentração, entre outros sintomas.

Existem alguns fatores de risco para o desenvolvimento da doença, entre eles, causas genéticas/familiares, outra doença psiquiátrica associada, estresse, sedentarismo, vícios e ansiedade crônica, afirma Zambon.

Entre as causas mais comuns para o suicídio acontecer, temos a própria depressão, a solidão, o luto, as perdas afetivas, dificuldades financeiras e profissionais e, problemas no casamento.

Em qualquer um destes casos, é necessário um acolhimento sem julgamentos, sempre incentivando  o indivíduo a procurar por tratamento, finaliza o profissional”.

Setembro Amarelo

Setembro Amarelo é uma campanha brasileira de prevenção ao suicídio, iniciada em 2015. A iniciativa é do Centro de Valorização da Vida (CVV), do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). O mês de setembro foi escolhido para a campanha porque, desde 2003, o dia 10 de setembro é o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio, por iniciativa da International Association for Suicide Prevention. A ideia é promover eventos que abram espaço para debates sobre suicídio e divulgar o tema alertando a população sobre a importância de sua discussão.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.