30/06/2019

Projeto prevê fim dos canudos plásticos em todo o estado; moradores de Holambra opinam

Projeto de Lei pede fim dos canudos em todo o estado de São Paulo; lei municipal já contempla o assunto

Da redação 

Já existe uma Lei Municipal em Holambra que proíbe os estabelecimentos de comercializarem ou utilizarem canudos plásticos. A atitude da ‘Cidade das Flores’ pode ser reforçada caso o João Dória (PSDB), governador de São Paulo, promulgue o Projeto de Lei 631/18, proposto pelo deputado estadual Rogério Nogueira (DEM). O Portal Holambrense ouviu a opinião dos moradores dobre o assunto.

“Acho uma boa iniciativa para ajudar o meio ambiente e o futuro dos nossos filhos”, comenta Andressa Araujo. Quem pensa da mesma maneira é Jane Bueno de Camargo. “Tudo que puder não ser de plástico, é um ganho, mas seria melhor ainda se esse plástico fosse reaproveitado”, opina a moradora.

Maria Lucia de Oliveira também endossa a determinação da proposta. “Não uso mais, faz tempo. Se cada um fizer sua parte, tudo ficará melhor”. Eliane Sandrini também concorda com a lei, mas faz uma ressalva. “Concordo, mas as sacolas plásticas também deveriam ser substituídas por ecológicas”, acrescenta Eliane.

Já Danilo Nazario discorda da proibição. O morador pensa que outras ações deveriam ser tomadas para contribuir com a manutenção do meio ambiente. “Essa lei não beneficia ninguém ou talvez alguém que não é um cidadão comum. Se estivessem realmente preocupados com o meio ambiente criariam um programa de apoio as pessoas que reciclam no país”, pontua Danilo.

Que os canudos não deveriam mais ser utilizados, Neide Pestana Concorda, mas ela não acha que deveria existir uma lei para isso. “Eu acredito se cada um começar a fazer sua parte vamos melhorar e muito, não deveríamos ficar esperando que leis nos obriguem a fazer o que é certo, carrego minha caneca na bolsa para usar sempre que precisar”, argumenta.

Anthonio Carlos Théko, além de ser contra o uso de canudos plásticos, dá uma sugestão. “Deveria ser todos de papel canudos sacolas etc. feitos de fibra de bambus, pois cresce rápido e é ecológico”, opina.

O deputado Rogério Nogueira (DEM), autor do Projeto de Lei, afirma que essa é uma ação que deve ser tomada com urgência. “O plástico é um problema ambiental seríssimo, a estimativa da ONU é que até 2050 haverá mais plástico do que peixes nos oceanos. O meu Projeto de Lei combater o descarte indiscriminado de um tipo de plástico totalmente dispensável”, afirma o parlamentar, e conclui: “Penso que temos que pensar nas gerações futuras e no mundo que vamos deixar para nossos filhos e netos”.

O Projeto de Lei 631/18 já foi recebido e será analisado pelo Governo do Estado de São Paulo.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.