10/01/2020

Novos Conselheiros Tutelares eleitos tomam posse em Holambra

A partir desta sexta-feira, até o dia 10 janeiro de 2024, os servidores deverão atuar no município a fim de garantir os direitos das crianças e adolescentes

Da redação

Acompanhados do prefeito Fernando Fiori de Godoy e do vice-prefeito Fernando Capato, os cinco novos conselheiros tutelares e seus suplentes eleitos em outubro do ano passado estiveram na Prefeitura para diplomação e posse do cargo. A partir desta sexta-feira, até o dia 10 janeiro de 2024, os servidores deverão atuar no município a fim de garantir os direitos das crianças e adolescentes.

Os novos conselheiros são Tatiane Cristina de Oliveira, eleita com 178 votos, Simone Lucinda (149), Miriele Janaina Batista da Silva (114), Maria Aparecida Camargo Bernardini (112) e Aparecida Prates Magalhães (103). O salário para a função, em Holambra, é de R$ 1.647,29 – e a carga horária é de 44 horas semanais, além de plantões à distância noturnos e aos finais de semana, feriados e pontos facultativos.

“Vamos trabalhar em conjunto com todos os departamentos, sobretudo educação, saúde, esportes e segurança, para poder acompanhar e ajudar o trabalho dos novos conselheiros”, ressaltou o prefeito Dr. Fernando. “Sabemos da importância desse trabalho para a qualidade de vida dos moradores, no sentido de apoio aos pais e de promoção de bem-estar às crianças e jovens”.

O vice-prefeito Fernando Capato, por sua vez, elogiou o forte empenho de cada um dos conselheiros no incentivo à participação da população no processo de escolha. “Sabemos que a atividade do Conselho Tutelar demanda responsabilidade muito grande e que é fundamental no cotidiano de uma sociedade”, destacou.

A eleição, realizada no dia 6 de outubro, e teve a participação de 324 holambrenses – com 842 votos contabilizados.

……………………………………

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.