23/05/2018

Holambra pode ficar sem combustível nesta quinta

Previsão é que falte gasolina, etanol e diesel já na parte da manhã por causa da greve dos caminhoneiros

Da redação

A escassez de combustível que atinge a região em decorrência da greve dos caminhoneiros deve chegar a Holambra nesta quinta-feira (24). A previsão é que, se os caminhões de abastecimento não forem liberados dos bloqueios das rodovias, o combustível dos postos da cidade acabe, em alguns já na parte da manhã.

Ronaldo Graat, proprietário de um posto no município holambrense, afirma que o movimento de carros na noite desta quarta-feira (23) em seu posto está alto, inclusive com filas. “Se o reabastecimento não vier amanhã cedo, o combustível acaba até as 10 horas”, alerta.

Situação semelhante vivem os motoristas de Artur Nogueira (SP). Paulo Sacchi, que tem posto no município vizinho, aponta que as reservas da unidade nogueirense estão no fim, e as filas são grandes para abastecer. Os postos da cidade devem amanhecer sem combustíveis para oferecer à população.

Fila em posto de Artur Nogueira (SP)

Em Engenheiro Coelho (SP), a situação é ainda mais grave. Pelo menos dois postos da cidade já estão com os estoques zerados. Motoristas coelhenses fizeram fila na noite desta quarta-feira (23) para garantir o tanque cheio para amanhã, mas, mesmo assim, não deu para todo mundo.

Fila em posto de Engenheiro Coelho (SP)

Greve

Caminhoneiros de todo o país realizam há três dias uma paralisação nas principais rodovias brasileiras. Na região de Artur Nogueira, por exemplo, alguns trechos da Rodovia Zeferino Vaz (SP-332) estão bloqueados. Os grevistas protestam contra o aumento do valor do diesel. A paralisação afetou o fornecimento de combustível em vários estados, além de impactar entregas dos Correios e o setor alimentício.

Ainda não há previsão para o fim da greve.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.