29/11/2018

Corrida reúne 200 atletas cervejeiros em Holambra

1ª edição da Corrida do Chopp foi regada a chope Straat, produzido e envasado na cidade

Meio esporte, meio happy hour. É com essa energia que Holambra realizou no último sábado, 24 de novembro, a primeira edição da Corrida do Chopp. O evento reuniu 200 participantes que se concentraram em frente ao Centro de Cultura e Eventos para o primeiro de muitos goles ao longo da prova, com percurso de 5 quilômetros e oito paradas para “reabastecimento”. Toda a competição foi regada a chope Straat, produzido e envasado na cidade.

Além do copo de largada, com 400ml da bebida, cada competidor teve que beber seis doses de 200ml em estabelecimentos comerciais de Holambra – entre eles o Restaurante Old Duch, Bar da Prainha, Dr. Pizza, Casa Bela, Martin Holandesa e o restaurante do Clube Fazenda Ribeirão. Na chegada, mais cerveja para celebrar a conclusão da corrida. Os três primeiros colocados em cada uma das categorias (feminina e masculina) foram premiados com 15, 10 e 5 litros de chope, respectivamente.

De acordo com o prefeito Fernando Fiori de Godoy, o município realiza hoje importantes provas de pedestrianismo como a Corrida do Rei, a Corrida na Lama e, mais recentemente, a Corrida das Flores. “É um prazer para nossa administração poder apoiar novas provas, incentivando o esporte, a saúde e a qualidade de vida dos participantes”, disse. “Nesse caso, mais do que uma competição, a Corrida do Chopp é um momento de integração e diversão. Tivemos participantes de 18 até 70 anos de idade. Foi muito legal”.

Primeiro lugar na categoria masculina, Yves Diego Maeda, de 28 anos, é holambrense e morador do bairro Jardim Holanda. Feliz por representar a cidade e ainda assumir o lugar mais alto do pódio, o jovem comentou que essa foi a primeira vez que conseguiu ganhar uma corrida na categoria geral.

“Gostei muito da competição e o chope deixou a corrida ainda mais atrativa. Achei bem legal passar pelos restaurantes e bares da cidade. Acredito que o público de fora tenha curtido também”, disse. Yves explica ainda que sua primeira competição foi em 2016 na Corrida do Rei e de lá pra cá não largou mais as provas, totalizando cerca de 30 participações.

Patrick de Block, membro da comissão organizadora do evento, exaltou o sucesso da corrida e se diz esperançoso para a próxima. “Todo mundo com quem eu conversei gostou bastante. Foi uma combinação boa de corrida e diversão”. Para ele, Holambra oferece “condições fantásticas” para eventos – uma vocação que deve ser explorada sempre.

Moradora de Valinhos (SP), Luceia Silva Sousa foi segunda colocada no feminino. A atleta, que tem um carinho enorme por Holambra por ter sido sede da sua primeira corrida na carreira, em 2015 (Running Show Colors), traz em sua bagagem mais de 40 corridas – entre elas uma maratona de 12 horas com mais de 90 quilômetros. Ela falou empolgada sobre a edição do Chopp no município: “adorei a corrida, percurso maravilhoso, conheci bares e restaurantes da cidade que não conhecia, com ambientes agradáveis. A alegria das pessoas durante todo o percurso, tanto de atletas como das pessoas que nos aplaudiam e incentivavam, foi contagiante. Com certeza estarei novamente na próxima”.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.