20/03/2020

Como se comportar em relação aos sepultamentos com o avanço do Coronavírus

O Grupo Serra Funerária orienta que os familiares compareçam aos sepultamentos em menor quantidade, para evitar a possível propagação do vírus.

Informe publicitário

Existem diversos detalhes do serviço funerário que precisam ser resolvidos para que possa acontecer o velório e o sepultamento. Esta é uma etapa complicada para os parentes, uma vez que além de passar pelo luto, enfrentam certa burocracia.

Com o avanço do novo Coronavírus (COVID-19), no Brasil, a pandemia tem deixado a população preocupada e receosa, por isso é importante seguir as recomendações para redução do risco de adquirir ou transmitir doenças respiratórias, que podem levar o contaminado a óbito.

Os serviços do Corpo de Bombeiros, Policiais e Funerários continuam funcionando normalmente. A recomendação é que as pessoas não se aglomerem e cancelem eventos que concentram muitas pessoas na cidade. O Grupo Serra Funerária orienta que os familiares compareçam aos sepultamentos em menor quantidade, para evitar a possível propagação do vírus.

Funerária Serra, em Artur Nogueira, está localizada na Rua Antônio Mateus, 1022, Centro. Mais informações poderão ser obtidas através do telefone (19) 3775-9752. Confira também o site da empresa e sua página do Facebook.

Outras filiais:

  • Cosmópolis/SP: Rua Ramos de Azevedo, 21, bairro Bela Vista (próximo ao Pronto Socorro). Telefone: (19) 3872-2759;
  • Campinas/SP: Rua Regente Feijó, 701, Centro. Telefone: (19) 3775-9752;
  • Campinas/SP Rua Papa João Paulo II, 587, Padre Anchieta. Telefone: (19) 3775 -9753
  • Valinhos/SP: Avenida José Milani, 93, Centro. Telefone: (19) 3869-3217;
  • Vinhedo/SP: Avenida Independência, 4630, Jd. Santa Rosa. Telefone: (19) 3876-4847;
  • Hortolândia/SP: Rua Osvaldo Ribeiro Carrilho, 95, Jd. Mirante. Telefone: (19) 3809- 2020.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.