14/12/2017

UniFAJ é reconhecida como uma das melhores instituições do Brasil, segundo MEC e Revista Exame

Ranking é feito por meio da nota do IGC, indicador de qualidade do ensino superior que engloba qualidade dos cursos

Informe Publicitário

No início deste mês a Revista Exame, da editora Abril, divulgou o ranking das melhores universidades particulares do Brasil, segundo o Ministério da Educação – MEC, e mais uma vez o Centro Universitário de Jaguariúna – UniFAJ está entre as melhores do País. O ranking é feito por meio da nota do IGC (Índice Geral de Cursos), indicador de qualidade do ensino superior que engloba qualidade dos cursos de graduação, mestrado e doutorado. A nota do IGC varia de 1 a 5. As instituições com 4 e 5 são consideradas excelentes e as notas abaixo de 3 são consideradas insatisfatórias pelo MEC.

“A UniFAJ, mais uma vez, está entre as melhores instituições de ensino do Brasil. É o reconhecimento do excelente trabalho que os docentes, corpo administrativo e discentes têm realizado “, afirma o Prof. José Carlos Pacheco Coimbra, pró-reitor acadêmico do Centro Universitário de Jaguariúna – UniFAJ. De acordo com ele, o aluno vivencia a prática do mercado com a aplicação de casos reais. Além disso, os docentes aplicam as mais modernas metodologias de ensino-aprendizagem, que são utilizadas em instituições como Harvard e MIT.

Essas ações, aliadas a uma tecnologia e laboratórios de ponta, colocam os nossos cursos nessa posição de destaque. “Vale ressaltar, também, que diversos cursos tiraram nota máxima no Enade e estão classificados entre os melhores do Brasil pelo Ministério da Educação – MEC”, afirma o Prof. José Carlos Pacheco Coimbra, pró-reitor acadêmico do Centro Universitário de Jaguariúna – UniFAJ. Coimbra aproveita para parabenizar todos os envolvidos, dos docentes aos alunos.

Como é calculado o IGC

O IGC leva em conta a média dos CPC dos cursos avaliados nos últimos três anos, ponderada pelo número de matrículas em cada um deles, a média dos conceitos da avaliação CAPES dos programas de pós-graduação stricto sensu na última avaliação também trienal e ponderada pelo número de matrículas nos programas.

Além disso, entra no cálculo do IGC a distribuição de estudantes entre cursos de graduação e pós-graduação (quando há programas stricto sensu).

Como o IGC considera o CPC dos cursos avaliados no ano do cálculo e também os CPC dos dois anos anteriores, sua divulgação refere-se sempre a um período de três anos. Dessa forma o IGC divulgado nesta semana compreende à análise de todas as áreas avaliadas previstas no Ciclo Avaliativo do Enade de 2014, 2015 e 2016.

 

Notas máximas

Desde sua criação em 2004, o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) tem sido para as instituições de ensino superior um dos principais sistemas de avaliação, pois a obtenção de notas elevadas no exame ratifica a qualidade dos cursos que oferecem.

Os bons resultados do Centro Universitário de Jaguariúna podem ser constatados na avaliação de suas graduações. O curso de a Educação Física da UniFAJ, na categoria licenciatura e bacharelado, tirou nota 5 (máxima) no Enade, classificando-se entre os melhores do País. Enfermagem, por exemplo, também obteve nota máxima, 5. Dentre 732 cursos avaliados no país, ocupou a posição 12º no Ranking Brasil e se destacou como a graduação número 1 na Região Metropolitana de Campinas (RMC).

Outro curso que ocupou a posição de 12º no Ranking Brasil, de 373 cursos avaliados, foi o de Farmácia. Segunda melhor da RMC, a graduação conquistou nota 5. Fisioterapia também obteve nota máxima se classificando como a melhor da Região Metropolitana de Campinas e em 11º no ranking Brasil.

A nota máxima (5) no Enade também foi atribuída ao curso de Administração que, dentre os diferenciais, faz parte da Escola de Negócios da UniFAJ, que tem por objetivo solucionar problemas das empresas próximas a sua localização em até um semestre letivo através de um conjunto de metodologias de ensino-aprendizagem, que se inter-relacionam e propiciam a transformação de alunos dos cursos de Administração, Ciências Contábeis, Gestão Comercial, Gestão de Recursos Humanos e Logística em profissionais empreendedores.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.