07/02/2018

Triplicam autuações da Polícia Rodoviária entre Holambra e Jaguariúna

Dados da Polícia Rodoviária são referentes ao período entre outubro e dezembro de 2016 e 2017

Da redação 

O número de autuações feitas pela Polícia Rodoviária na Rodovia Aziz Liam (SP-107) entre outubro e dezembro do ano passado (2017), mais precisamente entre Holambra e Jaguariúna (SP), triplicou. Os dados foram comparados com o mesmo período de 2016 e revelam também as principais ocorrências registradas, bem como no trecho que liga Artur Nogueira (SP) à ‘Cidade das Flores’.

Em 2016, no período citado no parágrafo anterior, foram registradas 195 ocorrências entre Holambra e Artur Nogueira (SP). De acordo com a assessoria da Polícia Rodoviária, as principais ocorrências nesta ocasião se deram pelo não uso do farol baixo, ultrapassagens em local proibido e a falta do uso de cinto de segurança.

Já em 2017, ainda entre Holambra e o município nogueirense, foram realizadas 386 autuações na SP-107. Ou seja, entre outubro e dezembro de 2017, o número de ocorrências aumentou 98%, um número expressivo devido ao curto trajeto. As principais infrações se mantiveram praticamente as mesmas, com o acréscimo de má conservação dos veículos utilizados.

Entre Jaguariúna (SP) e Holambra, o número de autuações é bem mais baixo. Entre outubro e dezembro de 2016, foram 21, com a lei do farol, má conservação do veículo e ultrapassagem em local proibido encabeçando a lista dos atos infracionais mais comuns.

O baixo índice, entretanto, não impediu que o número de ocorrências neste trecho da Aziz Lian triplicasse em 2017. Entre estes mesmos meses do ano passado (2017), as autuações pularam de 21 para 85, o que significa um crescimento de 304,7%. Em ambos os períodos contabilizados, as principais infrações cometidas entre os dois municípios foi a falta de uso de cinto de segurança e ultrapassagem em local indevido.

De acordo com a própria Polícia Rodoviária, o aumento pode ter mais relação com a fiscalização do que com um acréscimo real de infrações. Juntando os resultados por todo o trecho contemplado pela SP-107, constata-se que o número de ocorrências aumentou 118% (de 216, em 2016, para 471 em 2017) entre os meses de outubro e dezembro.

Quem cuida da fiscalização e segurança da SP-107 é o 4º Batalhão da Polícia Rodoviária, que conta com cinco Companhias e 20 Bases Operacionais distribuídas por cerca de 2.700 quilômetros de rodovias, interligando 90 municípios do Estado de São Paulo.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.