29/10/2017

Novo delegado fala sobre desafios da segurança em Holambra

Erivan Vera Cruz assumiu posto na última semana e servirá exclusivamente a 'Cidade das Flores'

Da redação

Pela primeira vez, Holambra possui um delegado titular exclusivo do município. Chegando para substituir Juliana Belinatti, primeira a ocupar o posto na ‘Cidade das Flores’, Erivan Vera Cruz assumiu o posto na última semana depois de atuar em Santo Antônio de Posse (SP).

Cruz já atuou como delegado também em Itapira (SP) e Pedreira (SP), além de ter exercido a função de investigador de polícia na região de Campinas (SP). Nesta entrevista, o novo delegado titular de Holambra avalia a situação da Segurança Pública no município e comenta sobre quais serão os possíveis desafios no período em que irá permanecer na cidade. Confira:

Como foi que você se interessou pela carreira de policial? Quando eu ingressei na faculdade de direito, passei a ter contato com pessoas que trabalhavam na Policia Civil. Escutando histórias e experiências vividas, passei a entender a importante missão da instituição e me interessei dinâmica da investigação.

Que visão você tinha de Holambra antes de saber que seria delegado no município? Eu já tinha vindo há muito tempo em uma Festa das Flores e recentemente respondi pelo município, nas férias da Dra Juliana. Também já elaborei prisões em flagrante nessa cidade em algumas vezes que estava respondendo pelo plantão noturno. Tinha uma visão de que se tratava de uma cidade com um menor índice de ocorrências policiais. Isso é importante, pois permite que as investigações sejam feitas com mais empenho e dedicação.

Você já atuou como delegado em outros municípios e também como investigador de polícia na região de Campinas. O que é necessário para desempenhar com êxito essas funções? É imperioso primeiramente, gostar daquilo que se faz. É importante observar que cada cidade e até cada bairro do mesmo município, possuem características diversas e incidências de ocorrências policiais especificas. Por exemplo, em um local existem mais crimes violentos, como homicídios ou tráfico de drogas, em outra, podem existir mais furtos e estelionatos. Assim, entender esse contexto é importante para o trabalho de repreensão. A integração entre as diversas agencias policiais, como a Guarda Municipal e a Policia Militar, também permitem um melhor resultado na redução da criminalidade.

Holambra não apresenta muitas ocorrências policiais se comparados com municípios da região. Pode-se confiar nessas estatísticas? Sim, o número é menor, mas não significa que não exista. Temos que trabalhar. As estatísticas são confiáveis porque são feitas de modo eletrônico e os dados são públicos, podendo ser consultados.

Qual você acha que será o maior desafio como delegado titular de Holambra? Manter e tentar melhorar os números de elucidação dos casos, que já são números bons.

Qual a importância de Holambra contar, pela primeira vez, com um delegado exclusivo para o município? Eu serei delegado titular de Holambra, isso não impede que em alguns períodos também possa estar respondendo pelo expediente de alguma Delegacia de Polícia da região. Também estaremos concorrendo aos plantões policiais noturnos na Central de Polícia Judiciaria de Mogi Guaçu.

Você acha que a segurança pública de Holambra vem obtendo bons resultados? Sim. Os índices são bons e trabalharemos para melhorar no que for possível.

Que recado você dá à população holambrense? O que ela pode esperar do seu trabalho? A população holambrense tenha certeza de que toda a equipe da Policia Civil de Holambra está empenhada para trazer o melhor resultado para a cidade no que se refere a segurança pública. As portas da delegacia estão abertas a todos que precisarem da Policia Civil ou quem puder colaborar de alguma forma, com denúncias ou informações que possam auxiliar em investigações policiais e, para quem precisar, garantimos o anonimato. É possível também ligar para o telefone 3802-1677.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.