13/02/2018

Holambrenses pedem e vereadora indica construção de escola no Imigrantes

Pais reclamam da necessidade dos filhos em atravessar rodovia

Da redação 

Os moradores do bairro Imigrantes, em Holambra, voltaram a conviver com uma realidade incômoda assim que voltaram as aulas nas escolas municipais. As crianças do bairro, que em sua maioria estudam nas duas escolas centrais (Primaveras e Ipês), precisam atravessar um cruzamento da rodovia Aziz Liam (SP-107) para chegarem até o destino. Tal fato motivou a vereadora Naiara Hendrikx (PMDB) a elaborar uma indicação sobre o tema na 1ª Sessão Ordinária da Câmara de Holambra, realizada no último dia 5.

No documento, a presidente da Câmara justifica a indicação ao enfatizar que o bairro terá ainda mais alunos, já que um novo loteamento foi aberto no local. “O bairro cresceu, outro loteamento ao lado foi aberto e a lei pede que se tenha escola o mais próximo possível da residência e, nesse caso, impera a preocupação com a segurança por ter se que atravessar uma rodovia”, descreve. A íntegra da Indicação pode ser lida aqui.

A legisladora também afirma que as escolas já existentes também se beneficiariam de uma nova unidade construída no Imigrantes. “O Departamento de Educação busca manter o número ideal de alunos por sala, porém com a demanda populacional crescendo, a tendência é que se aumente essa quantidade, comprometendo a qualidade pedagógica”, afirma na indicação. “Isso significará economia com transporte, monitores, menos riscos no deslocamento dos alunos e uma melhor qualidade de ensino a eles”, completa.

Os moradores do bairro, sabendo da indicação feita pela vereadora, também expressaram o desejo de ver uma nova escola municipal ser erguida no Imigrantes. “Com toda certeza é necessário, o bairro só está aumentando e já estamos com problemas no transporte escolar. Uma Escola no bairro iria melhorar muito para todos os lados”, conta Rita Gonçalves. “Tendo em vista que este é o Bairro mais populoso da cidade, acredito que isso facilitaria bastante para os moradores daqui, além de desafogar o trânsito matutino que é bem intenso”, corrobora Isabela da Silva.

Prefeitura

Questionada pelo Portal Holambrense, a Prefeitura informou que existe sim o projeto de uma futura escola no bairro Imigrantes e que aguarda a liberação dos recursos necessários. “A proposta foi encaminhada em 2013 e é renovada anualmente junto ao cadastro do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para aprovação e posterior liberação de investimentos”, informou a assessoria.

Fernando Fiori se encontrou com Silvio Pinheiro no ano passado

O Executivo explicou ainda que, em abril de 2017, o prefeito Fernando Fiori (PTB) e o vice-prefeito Fernando Capato (PSD) estiveram com Silvio Pinheiro, presidente do FNDE, para cobrar a retomada de repasses financeiros para obras em andamento e maior celeridade na análise do projeto.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.