16/11/2017

194 famílias ainda não retiraram kit para TV Digital em Holambra

Sinal analógico será desligado em duas semanas

Da redação

Dos 507 kits para conversão à TV Digital disponibilizados em Holambra, 194 ainda não foram retirados, de acordo com a Prefeitura. O número é preocupante pois o sinal analógico será desligado no próximo dia 29, aproximadamente daqui duas semanas.

Em 29 de novembro, o sinal analógico de televisão será desligado em Campinas (SP), Sorocaba (SP), Jundiaí (SP) e em outras 82 cidades da região. Após essa data, a programação dos canais abertos será transmitida apenas pelo sinal digital. Para continuar assistindo à programação, todas as residências dessas localidades precisam estar com o aparelho de televisão preparado com conversor, que pode ser embutido na TV ou externo, além de uma antena digital.

Os equipamentos podem ser encontrados no varejo local e são de fácil instalação. Quem não estiver preparado para receber o sinal digital nos próximos 15 dias ficará sem ver TV.

As famílias de baixa renda atendidas pelo Governo Federal devem verificar se têm direito a receber um dos mais de 600 mil kits gratuitos, com antena digital e conversor e controle remoto. A população deve acessar o site sejadigital.com.br/kit ou ligar gratuitamente para o número 147 com o NIS (Número de Identificação Social) em mãos. Se o nome estiver na lista, é só escolher o dia, horário e local para retirar os equipamentos que permitem que televisores antigos tenham acesso ao sinal digital.

Daniela Cristina, moradora de Holambra, já recebeu o kit para conversão de sinal. “Agora falta instalar. Vou tentar correr com isso para não ficar sem televisão no final do ano”, conta. “Não sabia que seria desligado já no final de novembro. Achei que o prazo seria prorrogado”, completa.

A confusão sobre uma possível prorrogação do desligamento do sinal (e, por consequência, da entrega dos kits) se deu por um boato e não tem fundamento, garante Elaine Lina, gerente de comunicação da empresa responsável pelas antenas digitais. “Essa informação não procede. Aliás, ao contrário, estamos num esforço concentrado para informação à toda a população que o sinal analógico será desligado em 15 dias e quem não estiver preparado ficará sem poder assistir à TV”, afirmou.

Lembrando que o sinal digital continuará proporcionando o acesso aos canais abertos do Brasil gratuitamente. Para aqueles que ainda não tem uma TV digital, será preciso compra um aparelho conversor, encontrado em lojas especializadas. É importante ressaltar que, para cada televisão, será necessário um conversor. Uma dica dos profissionais da área é que a pessoa leve anotado o nome do modelo do aparelho que possui – identificação que pode ser encontrada no manual de instruções ou mesmo anotado no televisor.

Outra dica é que aparelhos fabricados após o ano de 2010 já possuem um conversor incluso, não necessitando, neste caso, da compra desse adaptador. Além disso, será necessário comprar uma antena que capte sinal digital. Para tanto, existem diversos modelos no mercado, algumas são externas (instaladas em cima das casas ou em áreas externas à apartamentos) e outras, internas (colocadas dentro de casa). As últimas não são indicadas pelos profissionais da área, já que podem sofrer influências de barreiras, como paredes, o que prejudicará a qualidade da imagem.

Algumas emissoras de menor expressão ainda não produzem sinal digital, o que deverá ser obrigatório até o ano de 2018. As pessoas que possuem pacotes de TV por assinatura, seja a cabo ou satélite, não necessitam fazer a compra desses aparelhos, pois já recebem em suas casas um sinal digital.

Sobre a Seja Digital

A Seja Digital (EAD – Entidade Administradora da Digitalização de Canais TV e RTV) é uma instituição não governamental e sem fins lucrativos, responsável por operacionalizar a migração do sinal analógico para o sinal digital da televisão no Brasil. Criada por determinação da Anatel, tem como missão garantir que a população tenha acesso à TV Digital, oferecendo suporte didático, desenvolvendo campanhas de comunicação e mobilização social e distribuindo kits para TV digital para as famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal.

Também tem como objetivos aferir a adoção do sinal de TV digital, remanejar os canais nas frequências e garantir a convivência sem interferência dos sinais da TV e 4G após o desligamento do sinal analógico. Esse processo teve início em abril de 2015 e, de acordo com cronograma definido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, mais de 1300 municípios terão o sinal analógico desligado até 2018.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.